Latest Posts:

Guppy - Poecilia reticulata | Barbatanas Blog

Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Cyprinodontiformes
Família: Poecillidae
Género: Poecilia
Espécie: Poecilia reticulata

O Guppy! Toda a gente conhece este peixinho! É super colorido, salta à vista em qualquer loja de animais, barato e prolífero.
Originalmente, o guppy encontra-se na região Norte da América do Sul, sendo que o indivíduo selvagem é extremamente diferente do indivíduo disponível em loja. 


Guppies selvagens. Macho em cima, fêmeas em baixo.
Biologia

Estes peixes apresentam dimorfismo sexual, ou seja, conseguimos facilmente identificar o macho da fêmea. Como podem ver na imagem acima, mesmo em indivíduos selvagens, os machos apresentam mais cor que as fêmeas, especialmente nas barbatanas. Para além disso, o órgão reprodutor dos machos - Gonopódio -  é identificável desde uma tenra idade. A partir dos 2 meses, regra geral, já é possível identificar qual o género das crias.




Sendo um peixe vivíparo, as crias já nascem completamente formadas, não existindo nenhum cuidado parental, muito pelo contrário, aliás! Dada a oportunidade, mesmo a progenitora irá comer os pequenos alevins.
São peixes relativamente pequenos, machos não ultrapassam os 4cm e as fêmeas ficam-se pelos 6/7cm. Também não são esquisitos em relação ao pH ou outros parâmetros da água. Mas se quiserem apontar para uma temperatura de 24ºC e um pH de 7.4 não há problema. 
Para as fêmeas não serem muito importunadas e ficarem num stress constante, é aconselhável possuir-se mais fêmeas que machos, num rácio mínimo de 2 fêmeas para cada macho.
Se não quiserem reproduzir estes peixinhos, deixem-me dizer-vos que um aquário SÓ de machos fica LINDO!

Reprodução

Tal como referido, são animais bastante prolíferos. O tamanho da prole irá variar, no entanto, com a idade da fêmea, capacidade reprodutiva dos machos, número de machos com que a fêmea acasalou, assim como a quantidade de esperma armazenada (sim, guppies armazenam esperma, muitas vezes, conseguindo ter 7 ninhadas após a fecundação!).
Após a fecundação, em cerca de 28 dias, nascerão os alevins que rapidamente procurarão esconderijo entre as plantas.
A utilização de musgo de java ou de outras plantas compactas é benéfico para a sobrevivência das crias, sendo de notar que a taxa de sobrevivência num aquário comunitário, não sendo impossível, é mais baixa que num aquário apropriado ao parto.

NOTA: Se não souberem quando é que uma guppy irá dar à luz, podem fazer uma previsão pelo estado da barriga. Se esta estiver mais "quadrada" do que redonda, é sinal de que o parto está para breve.


Alimentação

Não são peixes esquisitos, comem de tudo e é frequente vê-los a mordiscar rochas, troncos ou outra decoração do aquário, seja a comer algas ou outros organismos que por ali possam ter-se desenvolvido. As crias fazem exatamente o mesmo! Existe no mercado alimento seco próprio para crias de vivíparos e ainda próprios para guppy, por isso não devem ter dificuldade em alimentar estes bichinhos.
Podem no entanto variar a alimentação com reforço vegetal (courgette, pepino cozidos por exemplo), larvas de mosquito, daphnias, cyclops, artemia entre muitos outros tipos de alimentos vivos ou congelados. 
É de realçar que apesar de existirem alimentos secos próprios para guppies bebés, estes desenvolvem-se bem mais rápido com o fornecimento regular de artémia e microvermes. A sério! Eu fiz o teste e surpreendi-me!


Como podem ver, os guppies são os tanques de guerra dos peixes de água doce e a delícia para iniciantes e experts da aquariofilia, não existisse campeonatos mundiais de estirpes de guppies! A variedade é tanta e são tão fáceis de reproduzir que rapidamente nascem novos padrões e cores no mundo dos guppies.

Algumas (poucas) fantásticas variedades de guppies.
Dêem uma oportunidade a estas pequenas maravilhas e irão perceber a razão de serem tão famosos!

Fiquem bem e.... Até à próxima!
Share on Google Plus

About João Figueiras

The author studied Marine Biologist and is a fishkeeper since the age of 12. The most exciting aspect of the hobby for him is to breed fish and develop certain strains of fish and invertebrates.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário